MESCE

DAS ATRIBUIÇÕES DOS MEMBROS DAS COORDENAÇÕES:

MesceDO COORDENADOR: Representar os MESC de sua jurisdição; Presidir as reuniões na ausência do Pároco ou Vigário Paroquial; Coordenar todos os trabalhos e responder pela equipe; Articular os MESC com Pastorais, Movimentos e com a equipe de Coordenação da Liturgia;

DO VICE-COORDENADOR: Substituir e representar o coordenador em todos os seus impedimentos; Acompanhar os trabalhos da Coordenação.

DO SECRETÁRIO: Registrar as decisões tomadas nas reuniões em livro de Atas; Elaborar as atas; Manter atualizado o fichário dos MESC; Responder pela correspondência e comunicação da Coordenação Geral.

 DO TESOUREIRO: Responsabilizar-se pelas coletas e despesas dos MESC de sua jurisdição, registrando-as em livro próprio.

DAS ATRIBUIÇÕES DOS MESC.

1. Ser um Agente de Pastoral, sinal da presença viva de Cristo na Paróquia;

2. Exercer o Ministério da Visitação aos doentes e levando-lhes a Sagrada Comunhão;

3. Auxiliar os Ministros Ordenados nos atos litúrgicos, servindo o altar e distribuindo a Sagrada Comunhão;

4. Presidir a Celebração Dominical da Palavra na ausência ou falta do presbítero ou do diácono;

5. Estar a serviço da equipe de liturgia, conforme escala elaborada pela Coordenação Paroquial;

6. Exercer, outras atividades pastorais e litúrgicas, a critério do pároco.

7. Participar dos grupos de reflexão ou setores.

DO MANDATO

1. O mandato será concedido por um período de três anos, com possibilidade de renovação segundo determinação do Plano Diocesano de Pastoral. Uma vez terminado o mandato, poderá continuar o exercício de novo mandato, se, de sua vontade e disponibilidade, desde que solicitado pelo Pároco e não havendo restrições da comunidade.

2. O mandato será exercido de forma gratuito, sem quaisquer proventos para a missão e sob a orientação do Pároco.

3. No caso de que um Ministro se candidatar a cargos eletivos públicos, ele deverá solicitar afastamento do ministério, enquanto ele estiver em tal condição.

DA CERIMÔNIA DO MANDATO

1. Os MESC deverão ser investidos do mandato, para o exercício de suas funções na Paróquia, através de uma cerimônia que será presidida pelo Bispo ou o Pároco ou por alguém delegado pelo Bispo para tal função.

2. A Cerimônia de Investidura acontecerá na Paróquia dos MESC onde receberão o mandato, com apresentação da habilitação assinada pelo Bispo.

DO TRAJE DO MINISTRO

1. Os MESC deverão apresentar-se com dignidade e decoro no exercício de suas funções, evitando apresentação extravagantes ou que causem escândalo à comunidade.

2. É obrigatório o uso da vestimenta para a sua função dentro da Igreja e nas procissões de Corpus Christi e Cerimônias Festivas.

DAS SANÇÕES E PENALIDADES – Poderá haver suspensão ou revogação do mandato em casos de:

a) Alcoolismo;

b) Infidelidade matrimonial pública que provoque um escândalo aos fiéis;

c) Improbidade no exercício de alguma função pública ou na Paróquia;

d) Corrupção ativa e/ou passiva;

e) Negação das verdades de fé da Igreja;

f) Desobediência ao Pároco e/ou decisões da Coordenação Geral;

g) Utilização das funções para promoções político-partidárias;

h) Ser membro de associações secretas que venham a conspirar contra a Igreja;

i) Faltar reuniões consecutivas, sem justificativa, será afastado da sua função;

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s